Como desenvolver o espírito empreendedor que existe dentro de mim

Como desenvolver o espírito empreendedor que existe dentro de mim?

Empreender, especialmente em tempos de crise, requer esforço e dedicação renovados. Ser dono do próprio negócio exige constantemente que você alimente seu espírito empreendedor, buscando oportunidades e sabendo aproveitá-las da melhor maneira possível.

Empreender, especialmente em tempos de crise, requer esforço e dedicação renovados. Ser dono do próprio negócio exige constantemente que você alimente seu espírito empreendedor, buscando oportunidades e sabendo aproveitá-las da melhor maneira possível.

Se você é um freelancer ou dono de empresa, tem que estar preparado para todo tipo de desafios. Para te ajudar, apresentamos a seguir algumas das principais características de um empreendedor de sucesso e como você pode desenvolvê-las:

1. Busque oportunidades sempre

Quem tem espírito empreendedor costuma se antecipar aos fatos e, mesmo em momentos de dificuldade, cria suas próprias oportunidades.

Afinal, se você trabalha por conta própria o interesse tem que partir de você. Estar à frente significa conhecer tendências e oportunidades e, mais do que isso, apostar nas melhores opções.

Uma boa forma de fazer isso é acionando sua rede de contatos em busca de novidades e, sempre que possível, criando novas conexões com novos profissionais e empresas para expandir o networking.

2. Persista, mesmo quando tudo der errado

Um profissional empreendedor não vive só de oportunidades, mas sim da realização de projetos oriundos dessas situações. Esse caminho, portanto, inclui o enfrentamento e a superação dos desafios e obstáculos.

O caminho para a vitória é não desistir, mesmo quando as coisas estão indo muito mal. Se as lições aprendidas com os erros geram novas oportunidades, o pensamento não pode ser nunca o de desistência, mas sim de renovação.

Entretanto, para evitar situações de fracasso, o foco de quem tem espírito empreendedor está na precaução do que pode dar errado.

É preciso, sempre que se identificar um problema, priorizar corretamente sua resolução. Ainda que tudo dê errado, o conhecimento adquirido no caminho será útil para novas ocasiões.

3. Corra riscos, mas calculados

Justamente por ser uma pessoa que não desiste facilmente, o empreendedor de sucesso é aquele que sabe calcular os riscos que está disposto a correr. Não adianta ter coragem se não houver também uma boa dose de prudência.

Para ter sucesso no mercado é preciso avaliar os riscos e, principalmente, trabalhar para reduzir ao máximo as chances de fracasso.

4. Exija qualidade e eficiência

Ainda que você trabalhe por conta própria, sem sócios ou funcionários, você terá que lidar diretamente com fornecedores e/ou clientes. É importante exigir certos padrões de todos eles, pois a divisão do trabalho pode trazer consequências injustas, em que uns terão de compensar a ineficiência de outros.

Se você é um redator freelancer, por exemplo, não adianta entregar um trabalho primoroso se o seu cliente não se der ao trabalho de revisá-lo, e acabar por publicá-lo de qualquer jeito.

Portanto, exigir qualidade e eficiência de outras partes envolvidas nada tem a ver com desrespeito ou desconsideração. Na verdade, dessas ocasiões surgem oportunidades de cooperação.

Ensinar um parceiro ou cliente pode poupar momentos de retrabalho, bem como fortalecer laços relacionais. Se o cliente te manda briefing incompleto, em vez de reclamar você pode montar um formulário com as principais questões que precisam constar lá, por exemplo. Isso facilitará o trabalho de todos.

5. Tenha compromisso

Comprometer-se com um prazo e não cumpri-lo pode ser o mesmo que jogar uma boa parceria fora. As empresas gostam de lidar com empreendedores que levam a sério seu trabalho, cujo cumprimento de prazos seja uma premissa básica, focando em melhora do desempenho e alcance de objetivos.

Mesmo quando você terceirizar uma tarefa, por exemplo, acompanhe seu fornecedor para garantir que seus clientes recebam uma entrega de qualidade e dentro do prazo. Afinal, quem se comprometeu com ele foi você, que assumiu uma responsabilidade sobre o produto final.

6. Mantenha-se atualizado

Principalmente no mercado de comunicação, em que as novidades são constantes e cada vez mais rápidas, é fundamental manter-se atualizado.

Estude sempre, leia notícias e publicações especializadas da sua área para estar por dentro do que há de mais efetivo para seus clientes — com referências que tenham autoridade. Sempre que for pautado para escrever sobre um tema, pesquise fontes relevantes e só comece a escrever quando sentir-se preparado.

Se você for um freelancer e precisar de apoio na parte administrativa, não se sinta acanhado, pois há muita informação disponível sobre como construir uma carreira de sucesso. Se necessário, procure um curso ou a ajuda de um profissional, como um contador ou um advogado que possa te ajudar com abertura de empresa, notas fiscais, precificação, contratos e afins.

7. Estabeleça e cumpra suas metas

Uma boa forma de um freelancer alimentar seu espírito empreendedor é estabelecer metas para o seu próprio trabalho. Pode ser a quantidade de textos produzidos por mês, sua renda recorrente ou o volume médio de tráfego desejado. O importante é que as metas sejam palpáveis, que possam ser mensuradas.

Esses são, então, os pontos essenciais para que você possa traçar objetivos claros de curto e longo prazo. À medida que for chegando lá, pode até se auto-premiar de alguma forma. Isso ajuda a se manter motivado e firme nos objetivos mais longos.

8. Reveja seus planos

Por mais que seja importante ter objetivos claros, mensuráveis, também vale a pena reavaliar seu planejamento pessoal de vez em quando. A cada semestre ou ano, analise como foi o andamento das suas metas, que tipo de coisa você alcançou e quais acabaram não se adequando à sua realidade.

É importante fazer essa autoavaliação de tempos em tempos para que você possa desenhar novos planos cada vez mais realistas e alcançáveis. Além disso, do passado é possível tirar insights para executar as coisas de forma melhor no futuro.

9. Invista no networking

Como já comentamos, manter uma rede de contatos atualizada é um ponto fundamental para ser um empreendedor de sucesso. É fato que as indicações, assim como informações que circulam boca a boca, são formas extremamente eficazes de se convencer alguém a adquirir ou contratar serviços.

Na trajetória profissional, pessoas conhecidas revelarão oportunidades de negócio para você através das recomendações que circulam cotidianamente. Assim, é importante cuidar do seu networking, criando uma relação com as pessoas e oferecendo algo em troca sempre que possível.

Lembre-se, portanto, que a divulgação das suas competências, bem como a colaboração em seu favor são originados de relações autênticas.

10. Seja independente e autoconfiante

Finalmente, para elevar o espírito empreendedor, acredite em si mesmo e busque autonomia para agir por conta própria. A confiança no próprio sucesso é, ainda, a melhor forma de torná-lo real.

Portanto, mantenha-se de cabeça erguida sempre que ouvir um “não”. Mesmo que você seja muito bom, retornos negativos virão sempre, é natural. Acredite, procure ser realista e determinado, pois somente esses superam as adversidades!

Gostou dessas dicas? Então assine a nossa newsletter e fique por dentro de todas as novidades sobre freelance e empreendedorismo!